Postagens Recentes

6/recent/ticker-posts

BOLSONAROGATE - Uma vida por 1 dólar na propina denunciada do governo Bolsonaro


 

A Folha de São Paulo deu a largada na 'implosão' do governo Bolsonaro, ao denunciar nesta terça (29) um esquema de propina na compra de mais de 200 milhões de doses de vacinas contra a COVID, a propina seria 1 dólar por vacina, superando os 200 milhões de dólares e R$ 1 bilhão de reais.

E agora apareceram os emails trocados entre o servidor indicado por Ricardo Barros (líder do governo), Roberto Dias e representantes da Davati Medical Supply....

A matéria da Folha diz o seguinte:

Emails obtidos pela Folha mostram que o Ministério da Saúde do governo de Jair Bolsonaro negociou oficialmente venda de vacinas com representantes da Davati Medical Supply. Um representante da empresa afirmou à Folha que recebeu pedido de propina de US$ 1 por dose em troca de assinar contrato.

As mensagens da negociação foram trocadas entre Roberto Ferreira Dias, diretor de Logística do ministério, Herman Cardenas, que aparece como CEO da empresa, e Cristiano Alberto Carvalho, que se apresenta como procurador dela.

O próprio Dias envia um email em que menciona uma reunião ocorrida sobre o tema. Ele é apontado como o autor do pedido de propina —sua exoneração do Ministério da Saúde foi anunciada na noite de terça (29) após as revelações da Folha.

Leia a matéria completa na Folha: Emails mostram que governo Bolsonaro negociou oficialmente com empresa que denunciou propina de US$ 1 por dose

 

 

Postar um comentário

0 Comentários